Todos nós sabemos da importância de manter as contas pessoais (Orçamento Doméstico) em dia, mas porque é tão difícil? Onde está o problema? Porque gastamos mais que ganhamos?

      A palavra-chave é criar o hábito de registrar seus gastos. Pois não adianta ter planilha, sistema, ou qualquer que seja o tipo de automatização do controle, se onde falhamos é no registro dos gastos, por isso que criar o hábito é o melhor remédio para conseguir gerenciar melhor seu orçamento doméstico;

Eleja uma data

         Pode ser um dia especifico (sábado), ou uma hora especifica do dia (21:00h de todos os dias), mas o importante é cumprir o estabelecido, e não deixar muito tempo sem registrar; e deves fazer desta data/dia, um compromisso inadiável, isso não leva muito tempo do seu dia, no máximo uma hora por semana; e depois de criar o habito, nem vai perceber que está fazendo. E os resultados são visíveis no bolso, pois vai conseguir saber onde está gastando seu dinheiro.

Guarde todos os recibos/comprovantes

         Esta é uma atividade relativamente simples de ser realizada porém muito importante. Junte todos os comprovantes (Recibos, cupom Fiscal, o comprovante do cartão de crédito e débito, o boleto bancário, ou quando não tem comprovante, anote para não esquecer de registar). Com estes comprovantes será mais fácil saber o quanto você está gastando. E também é um passo importante para iniciar a criação do hábito de controlar seu orçamento doméstico.

Compartilhe esta atividade

         Esta tarefa não precisa e não deve ser executada somente por uma pessoa, compartilhe com seu companheiro (marido ou esposa) ou com seu filho, e faça com que eles tenham acesso aos registros, pois assim eles irão saber onde estão os gastos, e podem contribuir para um controle mais efetivo;